Categoria: Treino Portugal

A Complexidade do Treino e os seus degraus

A Complexidade do Treino e os seus degraus Naquilo que é um processo de treino de Guarda-Redes, temos os mais variados exercícios, dinâmicas e circuitos. Exercícios mais fechados para as capacidades motoras e técnicas, exercícios de dimensões maiores e mais abertos com enfoque em posicionamentos e aspectos tácticos e decisionais. Naturalmente, há diversas formas de avaliar um processo de treino, independentemente da baliza temporal de um micro, morfo, meso ou macrociclo. Mas quando planeio ou observo um treino, o que assumo como o seu cerne é a adaptação. Estaremos nós treinadores a moldar o Guarda-Redes da forma correcta? Qual...

Read More

O olho de treinador de guarda-redes sobre o adversário: micro-análise

O guardião adversário e os seus comportamentos padrão (ou não) Texto para o projecto 11 Médios Sei que acontece em muitos lugares, mais ou menos profissionais, com maior recorte analítico ou empírico, mas sou da opinião que se temos conhecimento ou estimulamos a nossa percepção perante os outros, devemos tirar partido disso. E também posso analisar o guardião e os comportamentos que possui com a sua defesa/equipa e as dinâmicas entre estes dois sectores recuados. A altura, o pé dominante e se recepciona a bola de forma orientada ou se bate logo, se tem comportamentos em antecipação perante uma...

Read More

Treino de remate: Mais do que isso, “uma visão sobre o treino de guarda-redes”

Treino de remate: Mais do que isso, “uma visão sobre o treino de guarda-redes” Por Daniel Araújo Este vídeo incide sobre o treino de situações de remate – exterior, interior, em 1×1 (com a possibilidade de alguns lances de bola no espaço). No entanto, o vídeo apresenta mais do que uma lista de exercícios. Este vídeo (como a maioria dos que eu publico)[1] apresenta a minha filosofia de guarda-redes e treino, com alguns dos pontos que são essenciais no meu trabalho; neste caso é um vídeo sobre acções de defesa da baliza. Claro está que, num espaço que tem...

Read More

“A importância do guarda-redes vai além do que faz no momento defensivo”, as lições de Nuno Espírito Santo

“A importância do guarda-redes vai além do que faz no momento defensivo”, as lições de Nuno Espírito Santo Em “mini entrevista” ao canal do Wolves, Nuno Espírito Santo – agora treinador no Wolves – voltou a colocar-se na pele de guarda-redes que foi na sua carreira como jogador. Falou das mudanças das exigências sobre os guarda-redes, colocadas pelos media e treinadores. Que só se lembram do guardião quando está em defesa mas que, de momento ainda mais notório, esta bem além disso. E mais, esquecem-se da sua importância mas durante o jogo mas rapidamente, por necessidade, se lembram do...

Read More

A profundidade – e o seu controlo – e como, uma boa posição do GR, afecta o adversário

A profundidade – e o seu controlo – e como, uma boa posição do GR, afecta o adversário A preparação e análise Tudo parte da preparação para um jogo e da forma como interpretamos – dentro do mesmo – os estímulos que nos são oferecidos pelos nossos colegas… e pelos adversários. Eu ajo, de determinada forma com mais proactividade, perante X movimento contrário e de forma mais ponderada e calculada perante Y movimento. Vivemos/agimos em reacção a diferentes estímulos, mediante determinados contextos e momentos. A nossa acção é condicionada, sucessivamente, por múltiplos factores, sendo que uns controlamos nós mesmos…...

Read More

De alguém que merecia mais minutos: Pedro Trigueira e pormenores de excelência no Dragão (Análise)

De alguém que merecia mais minutos: Pedro Trigueira e pormenores de excelência no Dragão O jogo ontem entre o FC Porto 4-3 Moreirense, foi incrível. Teve de tudo. No dia que marcou regressos à baliza, para o jogo da Taça Portugal, de Fabiano e Trigueira respectivamente, é importante salientar um ponto em que Pedro Trigueira é muito forte: capacidade de reagir, com frieza e qualidade, em momentos adversos. Este momento de um ataque de 2 jogadores rápidos para o guarda-redes apenas, salienta essas qualidades do guardião português. Entender o espaço, os movimentos, perceber intenções, reagir perante as mesmas e...

Read More

Jogar como se treina e pelo que o jogo requer, não pelo que a bancada pede.

Jogar como se treina e pelo que o jogo requer, não pelo que a bancada pede. Jogar para a bancada ou jogar pelo que se treina? Arriscar o sucesso, que é programado e devidamente rotinado, ou esperar o aleatório pedido pela emoção das bancadas e arriscar descontrolar uma partida? Potenciemos, com inteligência, aquilo que depende de nós. É disto que um jogador profissional sofre, entre a racionalidade e emoção de cada acção, por quem se encontra dentro e fora de campo. E muitas vezes as reacções da bancada… surgem por acções indevidas da parte dos jogadores. Damos um exemplo, que...

Read More

Guarda-redes moderno: a (não) falácia dos centímetros

Guarda-redes moderno: a (não) falácia dos centímetros Antes demais, e em jeito de síntese, este artigo visa à eterna discussão sobre a altura dos Guarda-redes e o que este factor pode influenciar nas suas capacidades. Com esta finalidade, foi realizado pelo autor um estudo das cinco principais ligas europeias e também da liga portuguesa, onde foram recolhidos dados pertinentes para as conclusões finais a retirar. Numa altura em que a seleção portuguesa conta com mais uma estreia internacional na baliza – de seu nome Cláudio Ramos e que já justificava uma chamada anterior não fosse a qualidade e quantidade...

Read More

Análise: Nem todas as bolas são para ir. Reajustar, recuar, fixar, esperar, defender. Gazzaniga vs PSV

Análise: – Nem todas as bolas são para ir. Reajustar, recuar, fixar, esperar, defender. Gazzaniga vs PSV Gazzaniga, guardião argentino do Tottenham, é (em teoria) o 3o guardião da equipa. Jogou, após expulsão de Hugo Lloris na Liga dos Campeões na vitória do clube inglês frente ao PSV e teve um momento que devia vir nos livros, tal a qualidade da decisão e execução. Numa bola no espaço, só se sai quando a bola não está controlada pelo adversário. Se estiver totalmente orientada e dominada, é preciso recuar ou estabilizar, com os devidos ajustes, para fechar a baliza e...

Read More

(ANÁLISE) Noções de espaço, as zonas vermelhas e proibidas (com pequenas excepções)…

Análises: Noções de espaço, as zonas vermelhas e proibidas (com apenas uma excepção)… O exemplo é relativo a Odysseas Vlachodimos, mas podia ser qualquer um. Serve para lição de quem nos vê que há zonas proibidas na saída da área, com poucas excepções – e essas têm de ser bem interpretadas – para a melhor e mais adequada intercepção no espaço. Falamos, como exemplo para o tema, do 3o golo do Moreirense na Luz, na vitória contra o Benfica. Numa bola chutada para a frente por Jhonatan, guardião contrário, Odysseas sai-se fora da área, num corredor lateral, quando Jardel...

Read More