Nick Pope (Burnley): O mais recente “príncipe” inglês

Nome de Santidade e corresponde da mesma forma na baliza

De nacionalidade inglesa, o guardião do Burnley tem 25 anos (faz esta semana que vem 26), tem 1.91m e 76kg.

Em época de estreia na Premier League, apareceu na titularidade após a lesão do talentoso Tom Heaton que, desde as últimas épocas, tem sido o salvador do clube. Muitos se perguntavam do que seria o clube esta época sem o mesmo e, bem, melhor não podia estar… Está em 7 lugar logo a seguir aos gigantes todos de Inglaterra. E muito deve ao guardião inglês que já olha, com muita atenção, para o Mundial’18. Se não for para essa competição… é para as seguintes. Foi chamado para os mais recentes amigáveis e já começou a gerar atenções de todos em Inglaterra, já se falando em transferências milionárias como teve outra das promessas inglesas para a baliza, Pickford (vendido por 40M ao Everton no início desta época pelo Sunderland).

Dotado de capacidade incrível dentro dos postes, faz disto a sua maior valência tal como a distribuição longa (e com precisão e força). Pequenos pormenores como o corpo perfeitamente equilibrado e (re)ajustes constantes ao adversário, sempre com os apoios certos e momento da tomada de decisão bem coordenados. O seu posicionamento médio, entre a linha de golo e a pequena área, tal como a bissectriz bem definida ao adversário, são a grande origem do seu êxito e descanso da sua defesa.

É já um dos guardiões com melhores dados estatísticos da liga, sendo já top 5 no número de defesas e também do número de balizas invioladas:

Hoje, na vitória contra o Leicester, o seu treinador no final teceu enormes e rasgados elogios ao guardião. Dizendo que garantiu a vitória mesmo com a enorme pressão da equipa contrária. Uma das provas (se é que eram precisas…) da sua importância no clube. Ora vejam algumas das suas acções esta tarde contra o Leicester:

Defesas de grande dificuldade:

 

Distribuição: 

 

 

Gonçalo Xavier, A Última Barreira

Facebook Comments