22 anos depois, o Palmeiras sagrou-se campeão brasileiro depois de uma época em que pautou pela regularidade. (ver aqui este artigo da Fairplay sobre o título do clube)

Na baliza brilharam Prass e Jailson, dois trintões brasileiros e com muito para provar. Prass fez grande parte da época a titular, mas uma lesão tirou-o do sonho de representar a seleção brasileira e de estar no final deste campeonato brasileiro. Jailson fez 18 jogos como titular no Brasileirão e brilhou, quando os mais críticos apontavam para o seu insucesso por nunca se ter afirmado ao mais alto nível, nos seus anteriores clubes. Provou que estavam todos errados e agarrou a baliza do Palmeiras tornando-a quase imbatível.

Fica o momento do regresso para os aplausos a Prass, na vitória do Palmeiras por 1-0 de hoje, com agradecimentos a si… e a Jailson, claro. Grandes momentos, ora vejam!

https://www.facebook.com/UltimaB/videos/1043419279118032/

Esse momento… parabéns @sepalmeiras @fernandoprassoficial e Jaílson!!! #palmeiras #goleiro #verdao #brasil #brasileirao

A post shared by A Última Barreira (@ultimaabarreira) on

Facebook Comments