O guarda-redes do SL Benfica, Ederson, que esta época tem o estatuto de suplente de Júlio César nos encarnados, terá grandes possibilidades de estar nos Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro, em representação da Seleção Olímpica do Brasil.

Ederson, de 22 anos, disputou nesta época três jogos pela equipa principal do Benfica, todos na Taça da Liga, e está entre os 22 convocados pelos treinadores Dunga, Andrey Lopes e Rogério Micale, 10 dos quais atuam em clubes fora do Brasil.

A Confederação Brasileira de Futebol anunciou, esta sexta-feira, a chamada do guardião dos bicampeões nacionais para os confrontos amigáveis com a Nigéria e África do Sul, agendados para 24 e 27 de março, respetivamente.

A chamada de Ederson significa que o guardião poderá ser opção para representar os canarinhos nas próximas Olimpíadas que se realizam em agosto, no Brasil.

Facebook Comments