Se o apuramento até às meias do Euro Futsal de seleções, eliminando a Itália (campeã europeia em título) foi uma felicidade tremenda para a turma “Cazaq”, teve um grande revés no momento do amarelo do seu guardião Higuita, falhando o jogo das meias finais contra Espanha.

Estará suspenso para esse jogo por ter já levado 2 amarelos até ao momento, significando uma dor de cabeça para Cacau, treinador do Cazaquistão. Isto porque o seu modelo táctico, que surpreendeu Itália, tal como a estratégia usada no Kairat Almaty (campeão europeu de clubes, no ano passado) assenta no jogo ofensivo do seu guardião de origem brasileira e que já passou pelo futsal português, mais propriamente no Belenenses.  Além disto é de uma qualidade tremenda dentro da baliza sendo decisivo em todos os momentos do jogo para o sucesso das suas equipas.

É ele quem comanda a equipa no 5×4 e este é o modelo usado quase em todo o jogo pela seleção. Portanto, na sua ausência, surgirá na baliza Grigori Shamro que irá fazer a sua estreia na competição contra a “temível” Espanha, que eliminou com categoria a seleção portuguesa. E com bem menos qualidade nesse capítulo que Higuita que está rotinado com tal estratégia.

Notícias duras para a surpreendente seleção que tem aspiração a sonhar… mas terá de fazer com outras bases.

Facebook Comments