O silêncio por Marton Fulop, além das vítimas dos atentados em Paris, foi sentido há momentos na Hungria…

Em jogo está a ida ao Europeu do próximo ano, e a Hungria leva uma vantagem (que pode ser preciosa) da Noruega depois de uma vitória por 1-0, contra todas as expectativas.

Numa exibição monstruosa do “quarentão” e o senhor das calças de pijama, Kiraly, os húngaros esperam homenagear o também antigo guardião Fulop, que faleceu durante esta semana vitima de doença prolongada. Por Fulop, a Hungria vai tentar de tudo para chegar ao Europeu. Bonita a homenagem!

Facebook Comments